Digite o que procura

Blog do Uruha (23/08/2017)

Compre o novo CD

TRACES 2

11.9.13

Impressões sobre o show do Chile (08/09/13)

Vídeo da apresentação do show do Chile - Facebook the GazettE Media

Como eu avisei no Facebook e no Twitter, eu e a Bion fomos para Santiago/Chile assistir o show do the GazettE que aconteceu no dia 8 de Setembro no Teatro Caupolican. Chegamos no Chile no Sábado e no Domingo de manhã fomos a pé para o local do show. Chegando lá, nos dirigimos até o portão para saber como pegaríamos os nossos ingressos e encontramos com o grupo de brasileiros que também tinha ido para o evento. Todos os fãs brasileiros que estavam lá são super fofos, adorei conhecer todo mundo. São todos muito simpáticos e muito divertidos. Os staffs da Yamato, tanto do Chile, quanto do Brasil foram super atenciosos com a gente, explicando como ia funcionar a fila dos membros do GFC, a distribuição das credenciais VIP, horários de entrada, etc.

De manhã já tinha uma fila do lado de fora e quando foi chegando no meio da tarde, além do calor de queimar, a frente do teatro começou a ficar cheia. Nessa hora a banda começou a passar o som no teatro e dava para escutar os instrumentos bem de longe. Era a passagem individual, quando cada membro passa o som de seu instrumento. Mais ou menos umas 16:20 (não lembro direito) eles começaram a permitir a entrada dos membros do GFC, que eram mais ou menos umas 20 pessoas? Não lembro... Eles conferiram os documentos do GFC um a um. Tivemos que ir até uma mesa, onde uma staff pegava os documentos (carteirinha do FC, identidade, e-mail de confirmação e ingresso) e conferia o seu nome em uma lista. Em seguida recebíamos os brindes, que era uma credencial com os autógrafos deles impressos e uma sacola escrito the GazettE. Depois de conferido o nome, nós formamos uma outra fila, já dentro do teatro (mas não na área do show). Dava para escutar nitidamente a passagem de som da banda e nessa hora todos os membros já estavam passando as músicas juntos, com o Ruki cantando. Deu para escutar Leech, Before I Decay, Shiver, Filth e outras.  Os staffs passaram entregando a pulseirinha e a credencial VIP e, em seguida, fomos para um outro local para formar a fila para entrar na área onde o show ia acontecer. Nesse momento nós poderíamos optar por ir direto para a fila esperar a abertura dos portões para entrar na área do show, ou comprar os goods. Eu não cheguei a ver os goods, porque fiquei direto na fila m frente ao portão.

Passaram-se alguns minutos até o restante da fila (VIP sem GFC) começar a entrar e mais ou menos umas 17h eles abriram os portões. Como tínhamos GFC, fomos os primeiros a entrar e ficamos na grade. A Bion, eu, Shima (@shima_waka) e Carol (@_uruwashii) ficamos na grade exatamente na frente do Uruha.
Tivemos que esperar cerca de 2 horas lá dentro até o início do show e nesse meio tempo, enquanto as pessoas chegavam, o local onde estávamos ficava cada vez mais apertado. Os fãs que iam chegando atrás empurravam o pessoal da frente e estava um pouco complicado ficar na grade, pois estavam nos imprensando. Inclusive a Shima foi super fofa e atenciosa comigo quando eu senti que achava que não iria aguentar ficar ali, queria agradecer a ela por me incentivar e pela preocupação. Nós conseguimos ficar (quase) no mesmo lugar (fomos empurradas para o lado um pouquinho) até o começo do show. A área VIP era separada por uma grade. No vão entre o palco e o público, funcionários do Teatro Caupolican passavam vendendo refrigerante e biscoito. Os instrumentos, claro, já estavam no palco, e uma bandeira bem grande do the GazettE estava posicionada ao fundo. As meninas (Shima e Bion) repararam que em cima da caixa de som do Aoi tinha um ursinho. Eu vi uma coisa em cima da caixa de som, mas como a minha visão é péssima, eu não consegui distinguir o que era.

Quando foi chegando perto do horário do show, o pessoal que cuida dos instrumentos entrou para testá-los e nessa hora o público foi à loucura. Destaque para a pessoa que cuida dos instrumentos do Reita, que estava bastante animado. Antes do show começar eles deram um segundo aviso de que não eram permitidas fotos, filmagens, gravação de áudio, etc e às 19:00 as luzes se apagaram e começou a tocar XI. Kai foi o primeiro a entrar no palco, seguido dos outros membros. Todos estavam usando o visual do FADELESS. Os staffs do Japão se posicionaram no vão entre o palco e o público, para filmar e tirar fotos.

Eu não lembro o que aconteceu em cada música em si, então vou contar mais ou menos o que eu me recordo sobre os membros e as minhas impressões.

Kai: De onde eu estava não dava para ver direito o Kai. O que eu lembro é que ele cantava as músicas junto com o Ruki enquanto tocava. Suicide Circus foi a parte que mais me chamou atenção nesse sentido, foi muito legal vê-lo cantando a letra junto. Eu me interessei pelo the GazettE por causa do jeito do Kai tocar e pra mim foi emocionante vê-lo tocando ali ao vivo. Ele entrou no palco no encore com uma câmera na mão filmando o público.

Reita: O Reita também estava longe de mim, já que eu fiquei do lado do Uruha, então não dava para vê-lo direito. Só conseguia ver melhor o baixista quando ele se aproximava da frente do palco. Eu particularmente achei ele extremamente carismático. Ele se concentra em seu instrumento, mas olha para o público de maneira bem carismática. Gostei muito do jeito que ele interage com a platéia. A Bion disse que ele mostrou a língua várias vezes, mas eu não vi. Em uma música, Reita começou a girar com o baixo e nisso, ele derrubou o microfone dele. Um staff foi lá arrumar. Quando ele terminou de rodar, Uruha apontou para o microfone para avisar que tinha caído.

Ruki: Ruki estava com uma pequena cruz preta desenhada abaixo do olho esquerdo. Quando o local era iluminado por uma luz azul, o sapato e o “HOMME” da jaqueta dele fluoresciam.
Sobre a performance do Ruki, o que as pessoas falam sobre a presença de palco dele realmente não é exagero. Ao vivo você vê o quanto ele se mexe no palco, anima o público, dança, pede para o pessoal cantar e gritar junto com ele. Eu não consegui escutar direito a afinação dele, porque as caixas de som estavam bem próximas da grade e isso faz com que o som chegue aos meus ouvidos de forma bem alterada. Em um momento do show, claro, ele começou a jogar água no público. Nos MCs, ele falava em Espanhol com o público, usando frases básicas, mas ele também usou Japonês. No final, uma das garrafas que ele jogou em direção à platéia caiu no vão bem na nossa frente. Um segurança pegou a garrafa e deu pra uma menina que estava do lado da Bion.

Aoi: O Aoi estava com o cabelo preso para cima, parecido com o visual que ele usou no Burst into a Blaze 2008. Não era exatamente igual, mas estava preso para trás. A calça que ele usa é bem justa. Na minha opinião o Aoi parecia ser o membro que mais demonstrou estar curtindo muito o show. Ele sorria, mandava beijos, rebolava muito “sensualizando” (como publicado no twitter da Yamato Music). Quando ele ia para o lado do Uruha dava pra ver nitidamente os movimentos dele com os pés durante aquelas danças que ele faz enquanto toca. Nesses momentos eu conseguia ver o quanto ele estava animado nesse show, sorrindo e interagindo com o público. Obviamente eu não posso falar por ele, mas na minha opinião, não é à toa que ele falou tanto desse show no Twitter.

Uruha: Como eu estava na frente dele, deu pra ver bastante como ele age no palco. A presença de palco dele é extremamente contagiante. Ele fica bastante concentrado na guitarra, mas olha bastante para o público, sorrindo, incentivando a platéia a animar mais, cantando enquanto toca. Ele também rebolou um pouco em uma música. Foi interessante ver isso. Em Linda, ele bateu palmas como o Aoi.

Interações entre os membros:
Com certeza eu não estou lembrando de tudo, mas eu lembro das seguintes interações entre eles:

- Uruha e Reita tocaram juntos no palco do meio, bem como o Aoi e o Uruha. No caso dos guitarristas, Uruha estava em cima da plataforma central tocando e Aoi se aproximou e subiu também para tocar junto com ele. Eu estava olhando só para eles nessa hora e nem vi quando o Ruki foi para o lado onde estávamos. De repente eu só senti um jato de água no meu rosto que o Ruki jogou em cima da gente. Tomei o maior susto e me desconcentrei...

- Uruha e Ruki também interagiram. Eu lembro deles juntos na plataforma do Uruha. Além disso, durante um solo de guitarra do Aoi, todos os membros viraram de costas e foram para a bateria do Kai. Ruki pegou uma garrafa de água para beber e depois deu água para o Uruha. Ou seja, enquanto Ruki segurava a garrafa, Uruha, que estava tocando, bebeu dessa garrafa com o canudo.

Fanservice:
- De fanservice o único que eu lembro e que foi o mais marcante com certeza foi o que o Aoi passou a mão no rosto do Uruha. Foi durante a música Gabriel on the Gallows. Aoi saiu do lugar dele e foi para o lado do Uruha. Ele começou a tocar dançando e olhando para o rosto do Uruha, como se quisesse chamar atenção dele. Uruha olhou para ele e riu. Pouco antes de voltar para o seu lado do palco, Aoi parou e com a mão direita passou a mão de leve no rosto e no cabelo que estava no rosto do Uruha. Agora eu sei o quão estranho é explicar um fanservice, porque realmente não tem como explicar direito. Só dá pra entender exatamente o que aconteceu se você estiver lá vendo.

Encore:
Na entrada para o encore, Kai, Reita e Uruha usavam as camisetas da turnê. Ruki e Aoi não trocaram de roupa. Kai entrou no palco filmando o público e Ruki entrou com uma bandeira do Chile. Aoi entrou com uma toalha escrito “THE GAZETTE”, mostrando-a para o público. Teve um momento em que ele dobrou essa toalha calmamente e colocou ela de lado.

Público do Chile:
Na minha opinião, as Chilenas interagiram extremamente bem com a banda, a recepção e a animação delas foi excelente, pelo menos do meu ponto de vista e do local onde eu estava. Elas cantavam em coro algumas músicas que acho que são dos Chilenos mesmo, ou algo que se canta em Espanhol, talvez. As meninas que estavam atrás da gente, vendo que não estávamos entendendo o que estava sendo cantado, tentavam explicar o significado em Inglês. Inclusive elas foram super fofas.

O momento que mais marcou o show na minha opinião, foi durante uma das trocas de instrumentos, quando eles ficam um tempinho de costas parados aguardando para a próxima música. Nessa hora, o público começou a chamar pelo nome do Reita constantemente e em coro: “Reita, Reita, Reita...”. Demorou um bom tempo até que Reita reagiu aos gritos. Ele fez um movimento com os braços, vibrando com os gritos dos fãs. Ao ver essa reação, todos começaram a gritar pelo nome do Kai. Também demorou um tempo até que Kai levantou da bateria erguendo seus braços em agradecimento ao público. Em seguida, todos começaram a gritar o nome do Uruha e nessa hora, Reita olhou para o Aoi sem entender o que elas estavam gritando. Aoi se aproximou do Uruha, que ainda estava de costas nessa hora. Depois de um tempo, Uruha virou, juntou as mãos e reverenciou para o público. Os fãs então tentaram chamar pelo nome do Aoi, mas os gritos se dispersaram um pouco, já que realmente tinha passado um bom tempo nessa interação toda. Então não deu tempo do Aoi fazer nada e nem de chamarmos pelo nome do Ruki. Mas essa parte do show foi realmente muito legal de se presenciar

Com certeza faltaram muitas coisas, mas como hoje (11/09) nós vamos assistir o show que eles vão fazer em Buenos Aires, resolvi publicar logo as impressões que eu tive sobre o show do Chile para não esquecer as coisas. Se eu lembrar de mais alguma coisa, posso atualizar esse post posteriormente.

Obrigada para quem leu até aqui. Para quem vai no show do Brasil, acredito que vocês vão adorar, mesmo a apresentação sendo um pouco curta na minha opinião. Eles realmente são uma banda com uma ótima presença de palco e no show do Chile eles pareciam estar bem satisfeitos com o público. Eu espero que os Brasileiros façam uma recepção tão bonita quanto a que os Chilenos fizeram. Também espero que o show da Argentina supere as expectativa deles e que dê tudo certo.

-----

the GazettE WORLD TOUR 13
Teatro Caupolican, Santiago, Chile - 08/09/2013

SE [XI]
01.VORTEX
02.LEECH
03.BEFORE I DECAY
04.GABRIEL ON THE GALLOWS
05.VENOMOUS SPIDER’S WEB
06.THE SUICIDE CIRCUS
07.DRIPPING INSANITY
08.UNTITLED
09.DERANGEMENT
10.HEADACHE MAN
11.SLUDGY CULT
12.COCKROACH
13.Filth in the Beauty

ENCORE

01.SHIVER
02.Ruder
03.Linda ~candydive Pinky heaven~

compartilhe nas redes sociais

Comente com o Facebook:

13 comentários:

Anônimo disse...

Amei O Live report do show do chile Ruby!!
Só me faz ficar mais ancioso pro show no Brasil.. Bom show pra você hoje em buenos aires <33
Ah e por favor, se conseguir ver os goods disponiveis, preços etc no show de hoje, e postar aqui pra gente.. eu ficaria muito agradeçido!!

Obrigadoo Ruby <33
Rukasu ~

Chai Man disse...

Sem palavras... Esse deve ser o melhor momento da sua vida!!!! Ver esse live report só me fez ficar mais feliz com o show, e acredito que vou acabar entrando em extase no momento que começarem a tocar aqui...

Muito obrigada Ruby-san, e espero que tenha live report de Buenos Aires!!! ^^

Anônimo disse...

Oh! Meu deus que felicidade! Ruby.
Eu to tão maguada,e triste porque eu não posso ir...oohhww...droga! Viu. Adorei o post ruby!
Eu ri muito quando li que vc se assustou com o jato de agua no rosto...kkk,como pode vc nem ter notado o ruki-sam! Ele é o + neko e + fofo!
Obrigada!

Mymy!

(.T°T.) Chorando!

Anônimo disse...

cara... eu to com lagrimas nos olhos. Acompanho esse blog há algum tempo e ler o teu relato tão perto deles me emociona. Não poderei ir mas gosto de saber q as pessoas estão felizes, realizando seus sonhos.

obg pelo super live report! Amei <3 principalmente Aoiha! Que fanservice mais fofo e carinhoso!

Boa sorte hoje também :)
obrigada, Ruby!

Pe

JessYiskah disse...

Que coisa linda!!!
Nem acredito que logo os verei também!

O show do Chile parece ter sido melhor que o do México. Deu pra ver pelo twitter que Ruki e Aoi ficaram bem impressionados ^^
Tive a impressão de os fãs foram mais respeitosos tbm.

Então não há chances de comprar os goods e conseguir ficar na frente? >.<

Muito obrigada Ruby por esse live report. Não encontrei em nenhum outro lugar algo detalhado assim. ^^
Se divirta na Argentina!

Anônimo disse...

Ai gente que emoção :'D Que lindo isso que elas fizeram de chamar o nome deles! Seria ótimo se conseguissemos fazer o mesmo, só que dessa vez com o nome de td mundo kkkkkkkkk'. É muito bom saber que as fãs de lá receberam eles la sem muita histeria... ok ,gritando, xorando e tals mas sem histeria UAHSAUHS u.u'

Anônimo disse...

Gente eu comprei o ingresso pro show do Brasil, sinceramente vi a set list de alguns shows que eles fizeram, os comemorativos e não me agradou tanto, quais músicas foram tocadas no show do chile? Obrigado

Anônimo disse...

Bem legal! Mas aproveitando, alguem tem informações sobre os gooods? Se vai ter e os preços?

Anônimo disse...

Yoo!!!!!
Eu estou realmente empolgada para o show do Brasil... Comprei meu ingresso no exato momento em que eles foram liberados aqui no Brasil, estou preocupada por causa da fila, que eu não sei como vai ser, e eu não tenho como ir para ela de madrugada ou algo assim, porque eu moro bem longinho e não podia faltar aulas, então vou acabar chegando na fila na hora do almoço. Espero que ela não esteja muito grande e que o pessoal daqui seja tão gentil e receptivo quanto as chilenas :3

Anônimo disse...

Nossa,muito legal.Deve ter sido o melhor dia da tua vida.Eu ri,quando li que se assustou com o jato de água,kkkkk,normal,tava concentrada e não esperava.
Eu não poderei ir no show aqui no Brasil,morar longe é muito ruim,fora que tenho aula em pleno sábado.
Espero que as fãs brasileiras sejam tão receptivas quanto as chilenas e que eles gostem daqui pra que voltem futuramente.

Andressa ^_^

Priscila Coriolano disse...

Estou ansiosa! sábado chegando... o que será que vai acontecer. Espero não passar mal. Mais to muito contente! Não vejo a hora!!!

Mira disse...

Livereport fantástico, Ruby!

Deve ter sido um susto valente quando o Ruki jogou água e você! xD

E todo o fanservice e as interacções entre eles... kawaiii!! xD

Pelo que fui lendo, também me pareceu que foi um grande show e que eles se divertiram, e acho que eles estão a gostar de fazer a world tour. Quem sabe no futuro não venham a haver mais! ^^

Obrigado Ruby! :)

sakiy disse...

Só um comentariozinho: Honestamente achei bem chato o brinde do GFC ser diferente para os paises :/

mas ainda assim o show no Brasil (e pelo visto no chile) foi lindo ;; <3

Postar um comentário